Sistema circulatório

O sistema circulatório, chamado também de sistema cardiovascular, do corpo humano é formado pelo coração, pelo sangue e pelos vasos sanguíneos. O sistema circulatório é essencial para o organismo, pois é responsável pela circulação do sangue por todo o corpo, o que permite a distribuição e o transporte de gás oxigênio, de nutrientes e de hormônios para as células de diversos órgãos do corpo. O sangue também é responsável pelo transporte de resíduos resultantes do metabolismo que possam ser eliminados do organismo.

Características do coração

O coração de uma pessoa costuma ter o tamanho aproximado de sua mão fechada. O coração é responsável por bombear o sangue para o corpo todo, sem nunca parar. Ele se localiza na parte interior da cavidade torácica, exatamente entre os dois pulmões. A ponta do coração, ou se ápice, fica direcionado para baixo, levemente para a esquerda e para frente. Um coração costuma ter o peso médio de cerca de 300 gramas, mas pode variar de acordo com o sexo e o tamanho da pessoa.

Como funciona o coração

O coração é dividido em quatro cavidades que são o átrio direito e o átrio esquerdo, que ficam na parte superior do coração, o ventrículo direito e o ventrículo esquerdo, que fiam na parte inferior do coração.

O sangue que entra pelo átrio direito passa para o ventrículo direito, enquanto que o sangue que entra no átrio esquerdo passa para o ventrículo esquerdo. Os átrios não se comunicam um o outro, assim como um ventrículo não se comunica com outro ventrículo. O sangue passa do átrio direito para o ventrículo direito por meio da valva atrioventricular direita, enquanto que o sangue do átrio esquerdo passa para o ventrículo esquerdo por meio da valva atrioventricular esquerda.

Camadas do coração

O coração do corpo humano é um órgão que possui cavidades, por isso é chamado de cavitário, e é constituído por três camadas diferentes que são:

Camada do coração – Pericárdio

O pericárdio é uma membrana que reveste o coração de maneira externa, como um tipo de capa. O pericárdio proporciona uma superfície escorregadia e lisa para o coração, o que torna mais fácil o movimento contínuo do órgão.

Camada do coração – Endocárdio

O endocárdio é outra membrana que reveste o coração, mas ela fica localizada na parte interna das cavidades do órgão.

Camada do coração – Miocárdio

O miocárdio é um tipo de músculo que é responsável pelas contrações fortes e involuntárias do coração, ela fica localizada entre o pericárdio e o endocárdio.

Nos casos em que as artérias coronárias, que são ramificações da aorta, não podem irrigar de maneira correta o miocárdio, por um motivo qualquer, é possível que ocorra a necrose, que é a morte de células musculares, caracterizando o que é chamado de infarto do miocárdio.

Características do sangue

O sangue é o líquido que circula pelo sistema circulatório levando nutrientes, gás oxigênio, entre outras substâncias presentes no corpo que são necessárias para um bom funcionamento do organismo.

Tratando da aparência do sangue, ele é um líquido de cor vermelha que pode variar o tom da cor de acordo com o vaso da qual ele se origina. O sangue possui uma cor mais escura se vier da veia, vermelho mais vivo se vier de uma artéria, o que pode depender na diferença do nível de oxidação. O sangue possui uma textura viscosa e é mais denso que a água.

A quantidade de sangue presente no organismo pode variar de acordo com inúmeras circunstâncias, mas um número aproximado é de cerca de 1/13 do peso total do corpo de um indivíduo, cerca de 5 litros para quem pesa 65 quilos. Os órgãos que possuem mais sangue, além do coração e dos grandes vasos, são os músculos, os pulmões e o fígado.

Funções do sangue

O sangue é essencial para um bom funcionamento do organismo, as principais funções da circulação do sangue são:

  • O sangue recolhe o oxigênio e os outros elementos que o corpo necessita nos alvéolos pulmonares e nas vilosidades intestinais, depois faz a distribuição deles entre as células;
  • O sangue tem a função de receber das mesmas células as substâncias resultantes da desassimilação expelidas por elas, lendo-as aos órgãos responsáveis pela eliminação das mesmas, como os rins e os pulmões, entre outros;
  • O sangue também cria relações entre as diversas partes o organismo do corpo, e distribui entre ela os produtos das glândulas de secreção interna;
  • O sangue também é responsável por ajudar a equilibrar a temperatura do corpo, além do conteúdo presente em água no organismo.

Sangue estrutura

O sangue é essencial para o funcionamento do sistema circulatório. Ele possui em sua composição uma parte líquida chamada de plasma. Nele ficam suspensos vários corpúsculos de tamanho microscópico, chamados de glóbulos sanguíneos. Os glóbulos sanguíneos são de três tipos que são os glóbulos vermelhos, os glóbulos brancos e as plaquetas.

Na composição do sangue existem ainda três gases que são o oxigênio, o anidrido carbônico e o azoto, estejam eles combinados ou dissolvidos. O sangue é dividido entre três principais grupos que são o sangue tipo A, o sangue tipo B, o sangue tipo AB e o sangue tipo O.

O pH do sangue

Por todo o sistema circulatório o pH do sangue varia entre os valores de 7,35 e 7,45, o que indica uma reação alcalina leve, que é quase que constante. O pH do corpo consegue se manter constante mesmo com a produção de ácidos pelo organismo e com a ingestão do dia a dia de alimentos que aumentam a acidez como o peixe, os ovos ou a carne.

Esse equilíbrio constante do pH se deve a reserva alcalina presente no organismo. Essa reserva alcalina possui uma quantidade grande de substâncias como os fosfatos e os bicarbonatos em sua composição, que são transportados de maneira rápida e eficiente sempre que a acidez começa a tomar maiores proporções. Além disso, essa reserva alcalina ajuda ainda com a mesma função no trabalho excretor feito por órgãos como os pulmões, como os rins e até na pele.